segunda-feira, 25 de setembro de 2017

PROVA EM INTERLAGOS EM 1972 REUNE OS MELHORES CARROS DO MUNDO NA ÉPOCA

O post e as fotos são do meu amigo Ronaldo Nazar publicado em sua página no facebook.

"Uma outra GRANDE e majestosa corrida aconteceu em 1972. Foi em Interlagos. Aproveitando o final de semana em que está sendo disputado os 500 km no autódromo Vel...ocittá, a mesma prova foi disputada há 45 anos no dia 03/09 e pela primeira vez vieram algumas da melhores máquinas e pilotos estrangeiros.Foi sem dúvida nenhuma uma corrida inesquecível. Quem estava lá como eu que confesso fui para ver a fantástica Ferrari 512 M com o suiço Herbert Muller no comando , acabei vendo mesmo um tremendo duelo entre o alemão Reinhold Joest e o brasileiro Luiz Pereira Bueno, ambos com Porsche 908. Porém havia um pequeno detalhe. O 908 de Joest era mais moderno , mais curto,largo e leve. Tinha já de cara 100 kg a menos. Só aí já levava vantagem sobre o 908 da equipe Hollywood.Mas a corrida não se restringiu só a esse duelo. Havia carro e piloto para tudo qto era gosto. Além da Ferrari e Porsches, tínhamos Alfa Romeo T33/3, Berta LR, Fiat Abarth,Lola T70 e T 210,Avallone Ford e Chevrolet, Chevron, Ford GT40, Porsche 907, Lotus Europa,Momo Ferrari..Entre os pilotos , além dos acima citados estavam inscritos , Teodoro Zecolli, Rolando Nardi,os italianos conhecidos nossos, Conrado Manfredini e Gianpiero Moretti, o português que tb já estivera aqui, Ernesto Neves, além de duas mulheres, a inglesa Christine Bekers e a italiana Lela Lombardi, que anos depois iria para a fórmula 1 e seria a primeira mulher a pontuar na categoria. Os brasileiros tb tinham um time de primeira. Marivaldo Fernandes, Antonio Carlos Avallone, Angi Munhoz, Nilson Clemente, Tite Catapani, Clovis Ferreira, Paulo Gomes,Jaime Silva , enfim eram 30 carros .Grid lotado. A corrida foi o tempo todo pé embaixo, pelo anel externo.....Grandes pegas , grandes velocidades, com a Ferrari 512 M chegando a mais de 300 no final do retão e os Porsches 908 descontando nas curvas. No final Reinhold Joest venceu , com Luizinho Pereira Bueno em 2º e Herbert Muller fechando o pódio em 3º Destaques tb para Marivaldo Fernandes em 4º , Nilson Clemente em 5º. O destaque negativo foi para o feio acidente do argentino Rolando Nardi que teve um pneu furado e bateu de frente na curva 1 , quebrando as 2 pernas , o tornozelo e tendo desmaiado no local , provocando grande susto nos assistentes. Enfim , meus amigos, como vcs podem ver nesses posts dessa semana o automobilismo brasileiro literalmente BOMBAVA em 1972 ... Já hoje em dia , infelizmente está se arrastando moribundo , respirando sob aparelhos e indo para a UTI...Lamentável. Espero que algum dirigente seja ILUMINADO e comece realmente a trabalhar em prol de um automobilismo profissional e que emocione a platéia que está distante dos autódromos nos dias de hoje.Porque "OS DIAS ERAM ASSIM"."

A primeira fila...Com o primeiro tempo partindo lá de cima, o Porsche 908 do alemão Reinhold Joest. No meio a Ferrari 512 M do suiço Herbert Muller. Aqui o Berta Tornado LR do argentino Angel Manguzzi.
Tite Catapani com a Lola T 210, lidera o Porsche 908 de Luiz Pereira Bueno. A seguir um Lotus Europa do português Ernesto Neves, seguido pelo protótipo Abarth da piloto italiana Lella Lombardi e pelo Porsche 906 de Arthur Peçanha.
Fernandes fez bela corrida com a Alfa T33/3 chegando em 4º, seguido pelo suíço Silvio Moser, abandonou.
No meio da corrida Luizinho chegou a encostar no Porsche de Joest ... O alemão ficou impressionado com o desempenho do Peroba.
Volta de apresentação. Na primeira fila a partir da direita o Porsche 908 pole position do alemão Reinhold Joest, no meio a Ferrari 512M, o Berta LR de Angel Manguzzi. Na segunda fila com o 4º tempo , Luiz Pereira Bueno com o Porsche 908, no meio Marivaldo Fernandes com a Alfa Romeo T33/3 e fechando a fila com o 6º tempo a Lola T 210 de Tite Catapani. Na terceira fila a Alfa Romeo T33.3 do italiana Teodoro Zecolli, o Avallone Ford de Nilson Clemente e fechando a fila o Berta LR de Rolando Nardi. Depois dá para indetificar o Porsche 907 de Angi Munhoz, o Mclaren Ford do argentino Juan Carlo Salatino. Depois dá para ver a Abarth fiat do suíço Silvio Moser,
Luizinho Pereira Bueno recebendo a bandeirada de chegada em 2º. Grande corrida do Peroba.
Descendo o retão...Liderando vem o Porsche 907 com Angi Munhoz . Do lado direito a Alfa Romeo T33/3 do italiano Teodoro Zecolli e à esquerda a Abarth Fiat da italiana Lella Lombardi. Atrás a Lola T 210 de Tite Catapani..
 O grande pega da prova .. Luizinho Pereira Bueno com o Porsche 908/2 seguido do vencedor , Reinhold Joest com o mais moderno Porsche 908/3. Luzinho foi convidado por Joest para correr as 24 horas de Le Mans de 1973. Infelizmente a negociação não deu certo.
A Ferrari 512 M descendo o retão de INterlagos a pleno...
Luizinho Pereira Bueno entrando no retão de pé embaixo...
 O Porsche vencedor 908/3 entrando nos boxes para reabastecer.

Um comentário:

  1. Bacana , obrigado Jovino. Espero que seus leitores gostem . abçsssss.

    ResponderExcluir