sábado, 21 de maio de 2011

CAMPEONATO BRASILEIRO DE STOCK CARS - 83, 84, 85 E 86

Se existe uma categoria que sempre levou um grande público aos autódromos desde a sua criação em 1979, esta categoria é a Stock Cars.

No começo, com os opalas, passando pelos Omegas, Vectras e depois as bolhas representando diversas marcas das fábricas instaladas aqui no Brasil.

Mas eu gostava mesmo era da Stock mais antiga quando eram carros de verdade com motores opala de 6cc.

Na época, lembro-me que um piloto que fazia muito sucesso aqui era o Paulo Gomes, que por uns tempos era inscrito pela Federação Brasiliense de Automobilismo.

Nas fotos abaixo, veremos, ele, Paulo Gomes, Zeca Giaffone, Fabinho Souto Mayor, Ingo Hoffmann, entre tantos outros e a belas modelos que sempre estavam presentes iluminando este mundo da velocidade com os seus shortinhos bem curtos e representando diversas equipes da Stock Cars e seus patrocinadores.

Época em que o autódromo ficava cheio e que era disputado também provas de campeonatos regionais, dando oportunidade de pilotos e equipes locais também serem mostrados para a grande mídia nacional.

Hoje, a Stock não dá esta chance para que o automobilismo local também possa se desenvolver pegando carona no sucesso dela e o nosso automobilismo está capenga com campeonatos que não conseguem colocar mais do que 10 carros de turismo 1600 para disputar o campeonato regional.

Antes, tínhamos a Stock Brasiliense, a Hot Dodge e a Turismo 1600 que faziam muito sucesso aqui na cidade.

(Clique nas fotos para ampliá-las)

Gride sempre cheio

Zeca Giaffone, Paulo  Gomes e ...

Paulo Gomes

As belas meninas que davam um brilho especial à Stock Cars


Olha só os shortinhos delas! Que maravilha...




Ingo Hoffmann, o maior vencedor da categoria
 
Veja o sucesso que as meninas faziam

O público sempre prestigiou a Stock Cars com gride sempre cheio



(Fotos, acervo do Fernando Ramos)

6 comentários:

  1. Sensacionais as fotos, Jovino!
    Esse Opala 69 da "Kohlbach" (penúltima foto) é do Sávio Murillo Azevedo, piloto catarinense que foi Campeão aqui na Terra na Força Livre e depois partiu pro Brasileiro de Stock Cars.
    Quem quiser ver mais fotos dele é só clicar aqui http://poeiranaveia.blogspot.com/search/label/S%C3%A1vio%20Azevedo que tem mais no meu blog.
    Abraços empoeirados

    ResponderExcluir
  2. Diga Francis, realmente são belas fotos de uma época muito boa da Stock cars.
    Jovino

    ResponderExcluir
  3. Amigo, belas fotos. Concordo com todas as suas colocações. Abração.

    ResponderExcluir
  4. Depoimento do Catanha encaminhado para o meu email:
    "É Jovino o tempo passou,
    desde a lançamento da categoria em 79 eu participei da Stock Car. Foi quando começou os motores a álcool. Sinto muita saudade.
    Lembro em junho de 79 quando teve uma etapa em Fortaleza. Eu, Renezão e o Romulo fomos de carro pra Fortaleza. Os carros encontraram em Sampa e foram de carreta da GM.
    Único ano que não participei foi em 83 porque estava me dedicando ao Campeonato Brasileiro de Marcas e Piloto Copa Shell, contratado pela VW. Em 84 voltei pra categoria e em 86 foi o último ano que participei.
    Em 87 eu e o Délio Cardoso fizemos o Campeonato Brasileiro de Marcas e Pilotos e no final do ano encerrei minha carreira profissional.
    Tenho muitas fotos muito boas da Stock, além de vários recortes de Jornal.
    Da época de Ouro dos mil Km de Brasília, eu fui o brasilense melhor classificado de todas as edições.
    Quando o Nelson assumiu o Autódromo tentou reviver os mil KM mas foi um fiasco. Pra mim não conta nada, pouquissimos carros na largada e sem expressão.
    Abração".

    ResponderExcluir
  5. Olá Jovino, aqui é Edinir Mesquita (DININ) da Retífica Motorama do OPALA número 7, bons tempos aqueles Jovino, saudades da galera, Rad, Zé Arlindo, Pero Bola, Paulinho Chapecó, João Coqueiro, Plínio, Ruiter, Gabiru, Catanha, Bola, Linhares, Celsão e toda galera de do campeonato de 1980 e 1981, um grande abraço, hoje vivo em Salvador!

    ResponderExcluir
  6. oi pessoal um abraço a todos um especial ao meu amigo catanha amigo de longas data da deca de 64 em brasilia fui ver ele correr em 81 foi muito legal ele foi canpeao so gaucho e adoro o pessoal ai de brasilia um abraço a todos que deus abençoe a todose um forte abraço para o jose carlos cantanhede

    ResponderExcluir