quarta-feira, 3 de julho de 2013

SEGURO PARA CARROS CLÁSSICOS


Como fazer seguros de carros clássicos e como é possível protegê-los
Um proprietário de um carro clássico saberá o valor agregado a este bem, principalmente pelo que pagou para adquiri-lo, mantê-lo e protegê-lo. À diferença de um automóvel convencional, um veículo assim pode valer mais, demandar cuidados particulares e certas limitações, devido em grande parte à antiguidade de sua fabricação. Estes atributos podem dificultar a manutenção e o perfeito funcionamento do veículo, bem como despertar maior interesse por parte de ladrões. E, sim, as seguradoras levam esses aspectos em conta na hora de oferecer os seus serviços para assegurá-lo. Desde logo, não são todas as empresas de  SEGURO DE CARROS que atuam nesse ramo do mercado. Entre as seguradoras que cobrem carros clássicos no Brasil, citamos a Itaú Seguros, com assistência 24 horas e cobertura contra danos a terceiros; e a BB Seguros, que oferece uma cobertura especial para os veículos com até 20 anos de fabricação.
Justamente a “idade” do seu carro clássico será uma característica significativa, que pode definir as cotações dos seguros e também a sua categoria perante os órgãos competentes. Será importante lembrar que o DETRAN (Departamento de Trânsito) avalia estes automóveis, podendo atribuí-lo uma “Placa preta”, comumente estimada por colecionadores. Para tanto, esse automóvel deverá passar por uma rigorosa avaliação, que verificará a autenticidade das peças e qualquer modificação do modelo original. E essa qualificação como carro antigo “placa preta” pode render alguns descontos na hora de fazer seu seguro.
A assistência também adquirirá ainda mais relevância, porque para manter a categoria definida pelo DETRAN, o proprietário deverá precaver-se ao momento de uma eventual reposição de peças, para que estas sejam originais. E nem sempre será fácil encontrá-las. Também pode ser difícil achar assistência especializada e que, além de tudo, esta seja mais dispendiosa.

É certo que muitas vezes esses automóveis não circulam tanto quanto um carro convencional, o que poderá poupá-lo de desgastes e furtos. Mas será importante protegê-lo, inclusive porque isso poderá baratear o seguro. Uma sugestão é recorrer às tradicionais travas de direção, pedal ou câmbio; também pode ser útil instalar um mecanismo de corta combustível. Finalmente, contribuirá à segurança desse veículo estacioná-lo em lugares protegidos e mantê-lo numa garagem segura durante a noite.
 
Obs: a responsabilidade do texto é do anunciante do link indicado.

7 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Seguro para carros com 20 anos? São na verdade carros usados. Carros antigos são os de 30 anos para cima.

    ResponderExcluir
  3. http://pobrecatarrento.blogspot.in/2013/12/seguro-de-carro-grande-roubada.html#comment-form

    ResponderExcluir
  4. Associe-se ao Automóvel Clube Brasileiro! Por um preço promocional de R$242,00, você poderá participar de um time que conta com diversos benefícios, entre eles, ‪#‎assistência24horas‬ com seu carro ou sua moto! Faça as contas e confira como as vantagens oferecidas pela nossa equipe podem ajudá-lo (a) na solução de seus problemas:
    www.acb-fia.com.br

    ResponderExcluir