terça-feira, 6 de novembro de 2012

TÚNEL DO TEMPO III - PORSCHE 908/910 NO AUTÓDROMO DO PELEZÃO EM 1972

Hoje, dia 7, é aniversário de Alex Dias Ribeiro, um dos protagonista das provas abaixo.

Então, feliz aniversário Alex, 64 aninhos, com muita saúde, fé e muita paz para você.

Mais um filme raríssimo e inédito de 1972, quando a equipe Hollywood trouxe para Brasília dois dos mais modernos Porsches da época, o 908 e o 910 para disputar uma corrida no autódromo que ficava no estacionamento do estádio do Pelezão.

Foram realizadas duas baterias no sábado e duas no domingo e o vencedor saía do somatórias dos tempos das duas baterias de 45 minutos cada. A primeira vencida surpreendentemente pelo Royale GM 4 cil de Luiz Barata e Luiz Estêvão com o Porsche 910 de Alex Dias Ribeiro na segunda colocação e as outras baterias, no domingo, com vitória de Luisinho Pereira Bueno. O vídeo foi feito em Super 8 e passado para DVD e posteriormente postado no YouTube com edição de imagens de André "do" Speed Brasília, e, mais uma vez, foi cedido gentilmente pelo amigo Serginho Slaviero que fez este filme naquele ano.

Na primeira prova, como mostra o vídeo, o Royale GM de Luiz Barata pula na frente com o AC/Martini de Toninho da Matta e Clovis da Gama Ferreira na segunda colocação. Mais tarde, o porsche ultrapassa os dois oponentes e mantem a liderança até ser ultrapassado novamente pelo Luiz Barata e seu Royale GM terminando assim a primeira prova na frente do porsche para a surpresa da equipe Hollywood que achavam que venceriam fácil.
Na segunda bateria o vencedor foi Anisio Campos.

No domingo, Luizinho Pereira Bueno colocou o Porsche 908 na pista, mas foi apenas para dar algumas voltas que deixaram maravilhados o público presente.

Na segunda prova, a equipe Hollywood escalou Luizinho Pereira Bueno para sentar no cockpit do porsche 910 e ele venceu a primeira bateria e o piloto brasiliense Alex Dias Ribeiro, vencendo a outra, e o Royale GM da dupla brasiliense Luiz Estêvão e Luiz Barata quebraram quando estavam na segunda colocação (segundo a revista Quatro Rodas da época).

Participaram ainda das provas, os pilotos, Rômulo Consorte e Aquino Consorte com Ninho Volkswagem, Nelson Piquet e Ruyter Pacheco com Puma, Haroldo Meira e Luiz Glaistone com Elgar GT 104 (repare que já começaram a destruir o belo Elgar, quando eliminaram parte da traseira fechada dele), Waldir Lomazzi e Bernardo Baessa com Giripoca Corcel, Jayme Câmara Jr. com Renault Rabo Quente, Luiz André Reis (o Culé) e o Catanha com Willys Interlagos, Fernando Ramos e João Luiz Fonseca com VW Sedan e muitos outros, como mostra a relação de inscrição que me foi, mais uma vez, fornecida pelo Napoleão Ribeiro.

CORREÇÃO E ATUALIZAÇÃO:

Como a prova foi a mais de 40 anos, e não existe praticamente nenhuma informação a respeito desta prova, temos que recorrer a memória (que já está fraca) e a amigos e consegui agora confirmar os vencedores das 4 baterias, corrigindo assim, a omissão em relação aos outros vencedores, Alex Dias Ribeiro e Anisio Campos.

No sábado:

1ª Bateria - vencedor: Luiz Barata
2º Bateria - vencedor: Anisio Campos

No domingo:

1ª Bateria - vencedor: Luiz Pereira Bueno
2ª Bateria - vencedor: Alex Dias Ribeiro

Eu adoro automobilismo e como foi bom ter visto e ter vivido tudo isto.


Participaram desta prova diversos carros de Brasília, Anápolis e Goiânia, além dos Porsches que vieram de São Paulo.




11 comentários:

  1. Jovino,

    mais excelente vídeo que já baixei no HD....

    e quanta história hein..rsrsr

    muitas "feras" nessa prova brasiliense...

    abs...

    POR DENTRO DOS BOXES
    http://pordentrodosboxes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Pois é André, o Autódromo do Pelezão foi palco de grandes corridas até ficar abandonado por algum tempo e serviu para a galera dar os seus peguinhas durante os finais de semana, um lugar um pouco afastado da cidade e onde a polícia não enchia o saco da gente. Jovino

    ResponderExcluir
  3. Fabiani C Gargioni #277 de novembro de 2012 21:01

    Show de imagens Jovino, um automobilismo que deixou saudade!!!

    ResponderExcluir
  4. Excelente vídeo. Grato por postá-lo.

    ResponderExcluir
  5. Muito legal o video.
    Mas a história esta errada.
    Quem pilotou e venceu com Porsche 910 na corrida de domingo foi outro piloto.

    Alex

    ResponderExcluir
  6. Oi Alex, a minha dúvida é esta: como houve, segundo pesquisa na quatro rodas da época (e colaboração de Napoleão Ribeiro), duas baterias no domingo, uma teria sido vencida pelo Peroba e a outra por você. Se for isto, por favor, me confirme que eu faço a correção lá no post. Desde já, agradeço.
    Jovino

    ResponderExcluir
  7. Alex, consegui falar com o Napoleão e ele me passou os vencedores das 4 baterias. Agora incluí lá no post a sua vitória em uma das baterias e a outro do Anísio Campos.
    Como disse lá no post, como foi uma prova que foi realizada a mais de 40 anos, e eu assisti, pelo o que eu me lembre, somente as provas do sábado, não tinha as informações das provas do domingo e que as coloco agora para corrigir a omissão em relação a sua vitória e a do Anisio Campos.
    Desde já, peço-lhe desculpas.
    Jovino

    ResponderExcluir
  8. Muito legal este filme, me lembro como se fosse hoje, o Edgar de Medeiros com seu Fuscão 33 patrocínio da Skoll, foi o show da prova, como sempre ele era a atração; Por onde anda ele? Fomos vizinhos na SQS 105, havia na esquina da quadra uma carrochinha de cachorro quente, e era ponto obrigatório pra rapaziada comer antes de irem para suas casas, e quase sempre lá vinha o Edgar com seu fusca e entrva com tudo na curva de acesso a quadra e claro que todos batiam palmas e o comentário era geral "este cara é muito doido"!!! O Pupo Moreno ainda era gurí pequeno mas já "pentelhava" por lá também com a sua cinquentinha. O Elgar nesta prova já estava bem "mutilado"!

    ResponderExcluir
  9. Rodolfo, me lembro bem do Edgard de medeiros. Ele ia muito lá na minha quadra na asa norte. Quando chegava era o show porque ele dava um cavalo de pau num espeço muito pequeno. Lembro-me que os pneus do fusca branco que ele tinha com escapamento direto tipo aranha saindo no meio, eram todos os quatro praticamente slicks porque o cara dava tanto pau que eles se desgastavam. Velhos e bons tempos. Jovino

    ResponderExcluir
  10. Jovino, belo vídeo!
    Também estava lá nesse dia.
    Diz aí de quem é o som dessa trilha sonora.
    Abs.

    ResponderExcluir
  11. Oi Hamilton. Muita gente me perguntou de quem é, mas infelizmente, eu não guardei o nome. Quando eu inseri a música, peguei ela de algumas que o You Tube disponibiliza para inserir nos videos e que são liberados por causa dos direitos autorais. Para você ter ideia, a gente não pode colocar no you tube qualquer musica, pois eles bloqueiam o video quando não há autorização.
    Um colega gracou um video em que aparece um carro com o som ligado. O you tube bloqueiou o video por causa disto. Se eu conseguir descobrir o nome da banda, falo com você. Jovino

    ResponderExcluir